IMG_8110.jpg

residências artísticas

2019 
. Bethany Arts Community, Nova Iorque/EUA.

exposições individuais

2022 
. AS* PAPANGUS  - our carnival, our body, our fight, Oyoun Kultur NeuDenken gUG, Berlin/DE. Curadoria: Dami Choi.

. Ninguém pediu para eu fazer isso, Bananal Arte e Cultura Contemporânea, São Paulo/SP. Curadoria: Julia Lima.

exposições coletivas 

2022

. 19º Programa Exposições, MARP, Ribeirão Preto/SP. Comissão de seleção: Nilton Campos e Sylvia Furegatti.

2021 

. Escapamentos, Bananal Arte e Cultura Contemporânea, São Paulo/SP. Coordenação: Clarissa Ximenes.

. MITA: Cosmologias da Diversidade, São Paulo/SP. Curadoria: Felippe Moraes e Ana Carla Soler.

. 46º SARP- Salão de Arte de Ribeirão Preto nacional- contemporâneo, Ribeirão Preto/SP. Comissão de seleção: Claudinei Roberto e Samantha Moreira.

. Ninguém vai tombar nossa bandeira, São Paulo/SP. Curadoria: Julia Lima.  

2019 
. Tempo Fim, Sesc Ipiranga, São Paulo/SP. 
. A noite não adormecerá jamais nos olhos nossos, Baró Galeria, São Paulo/SP. Curadoria: Carollina Lauriano. 
. Baile da Aurora Sincera, Solar dos Abacaxis, Rio de Janeiro/RJ. Curadoria: Bernardo Mosqueira. 
2018 
. Unidos da Barra Funda, Olhão Arte, São Paulo/SP. 
. LAVAGEM/ABLUTION, Bouge B Festival, Antuérpia/BE. Curadoria: Amanda Piña. 
. Processo Aberto Performance Lavagem, Casa Triângulo, São Paulo/SP. 
2017 
. Coreografias de Paisagem, Instituto de Artes da UNESP, São Paulo/SP. 

Bruna Amaro [São Paulo, 1988] é artista visual, performer e pesquisadora. Mestra em Estética e História da Arte pela USP e graduada em Artes Visuais pela UNESP, apresenta em seus trabalhos uma combinação entre pesquisas acadêmicas e temas relacionados ao carnaval, às religiosidades e à violência de gênero. A partir destes sua produção vem refletindo sobre a ideia de pintura e reprodução de imagens com o uso das materialidades e das manualidades carnavalescas.

Entre suas principais exposições estão as coletivas “19º Programa de Exposições” e “46º SARP - Salão de Artes Nacional e Contemporâneo de Ribeirão Preto”, do MARP, Ribeirão Preto/SP; “ESCAPAMENTOS”, São Paulo/SP (2021); “MITA: Cosmologias da Diversidade”, São Paulo/SP (2021); “Ninguém vai tombar nossa bandeira”, São Paulo/SP (2021); “A noite não adormecerá jamais nos olhos nossos”, Baró Galeria, São Paulo/SP (2019); “Tempo Fim”, Sesc Ipiranga, São Paulo/SP (2019); “Baile da Aurora Sincera”, Solar dos Abacaxis, Rio de Janeiro/RJ (2019); e “Unidos da Barra Funda”, Olhão Arte, São Paulo/SP (2018). Destaca-se também a performance e instalação “Lavagem/Ablution” realizada no Bouge B Festival, Antuérpia/BE, junto da artista Juliana dos Santos e de artista Daniel Lie (2018); e o projeto “Maneater” realizado durante residência artística na Bethany Arts Community, Ossining/EUA (2019).

outros projetos

2020
. TUDO QUE É BATUQUE, Sesc Vila Mariana, São Paulo/SP. Ambientação para o carnaval da unidade.

2019 

. MANEATER, Bethany Arts Community, Nova Iorque/EUA. 

2018 
. COM QUANTOS NÓS SE FAZ UMA REDE? Ato 1, Casa Aberta, São Paulo/SP.
2017
. Consultora para a exposição Centro de Morte para os Vivos/ Death Center for the Living, de artista visual Daniel Lie em Viena Festwochen, Austria.

formação

2021

. Discussão de projetos na Clínica Geral, Ateliê 397, orientado por Carollina Lauriano e Raphael Escobar.

2020

. Acompanhamento artístico no Núcleo de discussão e construção em Artes Visuais com Julia Lima e Bruno Novaes.

2015 - 2018
. Mestrado em Estética e História da Arte pelo PGEHA USP com Bolsa Mestrado CAPES.
2008 - 2014
. Graduação em Artes Visuais pelo Instituto de Artes da UNESP, bacharelado e licenciatura.
2013 - 2020
. Membro do Centro de Estudos de Religiosidades Contemporâneas e das Culturas Negras, CERNe - USP.
2013
. Bolsa de Iniciação Científica FAPESP.
2012
. Historia del Arte Argentino y Americano na Universidad Nacional de Tucumán, em San Miguel de Tucumán, Argentina. Intercâmbio universitário com Bolsa Grupo Montevideo.